VILA FLOR

Misericórdia cria Lar para crianças

A construção de raiz de um Lar para crianças e jovens privados do meio familiar, a aquisição de uma Unidade Móvel de Saúde, e a remodelação do hospital e a ampliação do centro de saúde são os três projectos que a Santa Casa da Misericórdia de Vila Flor está a desenvolver no momento, a par da colaboração com outras entidades.

O Lar vai receber crianças e jovens que “sejam órfãos ou estejam em situação de risco. Por exemplo, cujos pais são alcoólicos, toxicodependentes ou têm outros problemas que colocam em causa o bem-estar das crianças no seio da família. Vai também acolher menores que são entregues, temporariamente, pelo tribunal ou Segurança Social”, avançou Vítor Costa, vice-provedor da Santa Casa da Misericórdia de Vila Flor.
A obra terá capacidade para 20 crianças e jovens, de ambos os sexos, a partir dos 2 anos e até aos 18. O orçamento ronda os 600 mil euros, suportados integralmente pela Misericórdia, e os trabalhos devem arrancar já na próxima semana, sendo o prazo de execução de um ano.

Ler notícia na íntegra

 

Data de introdução: 2004-10-21



















editorial

O TRIÂNGULO DA COOPERAÇÃO

A consciência social, aliada ao dever ético da solidariedade, representa uma instância suprema de cidadania, um compromisso inalienável para com os mais vulneráveis e em situação de marginalidade, exclusão e pobreza.

Não há inqueritos válidos.

opinião

EUGÉNIO FONSECA, PRES. CONF. PORTUGUESA DO VOLUNTARIADO

A Política Melhor (II)
Na continuação dos assuntos abordados no meu texto anterior, reitero que vale a pena, aos dirigentes das IPSS, independentemente das suas convicções ideológicas ou...

opinião

JOSÉ A. SILVA PENEDA

A guerra na Ucrânia e as consequências para a Europa
A guerra na Ucrânia é, sem dúvida, o maior desafio que se coloca à União Europeia desde a sua fundação. É a primeira vez, desde a última grande...