COMPLEMENTO SOLIDÁRIO

Mais idosos a receber

O número de idosos a receber o Complemento Solidário subiu em dezembro de 2014 para 171.378, apesar de este número representar uma diminuição de 38.509 beneficiários em relação ao mês homólogo de 2013, segundo dados da Segurança Social.

As estatísticas do Instituto de Segurança Social (ISS), mostram que, face a novembro, houve mais 303 idosos a receber esta prestação social em dezembro de 2014, uma subida de 0,17%.

Tendo em conta o período homólogo de 2013, registou-se uma quebra de 22,5% no número de beneficiários, passando de 209.887, em dezembro de 2013, para 171.378 um ano depois.

As mulheres continuam a ser a maioria dos beneficiários, totalizando 119.324 contra 52.054 homens.

O maior número de beneficiários encontra-se no distrito do Porto (26.960), seguido de Lisboa (24.651) e de Braga (13.195), adiantam as estatísticas da Segurança Social publicadas no site do ISS.

O Complemento Solidário para Idosos é um apoio em dinheiro pago mensalmente a pessoas com mais de 65 anos, com baixos recursos financeiros.

 

Data de introdução: 2015-01-23



















editorial

SUSTENTABILIDADE

Quando o XXIV Governo Constitucional dá os primeiros passos, o Sector Social Solidário, que coopera com o Estado, deve retomar alguns dossiers. Um deles e que, certamente, se destaca, é o das condições de sustentabilidade que constituem o...

Não há inqueritos válidos.

opinião

EUGÉNIO FONSECA

Agenda 2030 e as IPSS
Em Portugal é incomensurável a ação que as cerca de 5 mil Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) existentes, têm vindo a realizar.  As...

opinião

PAULO PEDROSO, SOCIÓLOGO, EX-MINISTRO DO TRABALHO E SOLIDARIEDADE

A gratuitidade das creches entre o reforço do setor social e a privatização liberal
 A gratuitidade das creches do sistema de cooperação e das amas do Instituto de Segurança Social, assumida pela Lei Nº 2/2022, de 3 de janeiro, abriu um capítulo novo...