1700 ATROPELAMENTOS POR ANO

Criança-peão

Em Portugal, em média, são atropeladas por ano cerca de 1700 crianças com menos de 14 anos (dados relativos ao período 1999-2002). 
Estes atropelamentos causam anualmente 23 mortos e 215 feridos graves. Alguns dos feridos graves ficam com deficiências para toda a vida.
A segurança da criança enquanto peão é um problema complexo e o controle e diminuição do número de vítimas exige a intervenção e o esforço coordenado de pais, condutores, câmaras municipais, governo e autoridades. 

Para saber mais sobre esta problemática, visite o site da APSI, Associação para a Promoção da Segurança Infantil.

 

Data de introdução: 2005-06-28



















editorial

As amas em Creche Familiar

Publica-se neste número do “Solidariedade” o texto do acordo com a FSUGT, na parte que contempla também os novos valores de remunerações acordado para vigorar a partir de 1 de janeiro de 2024.

Não há inqueritos válidos.

opinião

EUGÉNIO FONSECA

A propósito do contributo da CNIS para as próximas eleições
É já tradição que as organizações de diferentes âmbitos, aproveitem os atos eleitorais para fazerem valer as suas reivindicações mais...

opinião

PAULO PEDROSO, SOCIÓLOGO, EX-MINISTRO DO TRABALHO E SOLIDARIEDADE

Cuidar da democracia
Neste ano vamos a eleições pelo menos duas vezes (três para os açorianos), somos chamados a renovar o nosso laço político com a comunidade, escolhendo...