CASA DO POVO DE ABRUNHEIRA

Oficina de Cidadania de Turismo e Cultura

A Direcção da Casa do Povo de Abrunheira promoveu, no âmbito do Projecto Gerações, co-financiado pelo Fundo Social Europeu e aprovado pelo Programa Operacional de Emprego, Formação e Desenvolvimento Social (POEFDS), Medida 5.1.2.2.- Melhoria das Competências Pessoais e Sociais, Acção 2.3. Acções para a Promoção da Cidadania – E.1, a segunda Oficina de Cidadania, denominada “Turismo e Cultura: Dia Mundial do Turismo”, tendo como população alvo todos os idosos utentes das valências das Freguesias de Abrunheira, Ereira e Verride. 

Esta segunda acção, teve como principais objectivos:

- Promover o interesse pelo Património Cultural existente no Concelho de Montemor-o-Velho, visitando alguns dos monumentos existentes no Concelho em que os utentes residem.

- Promover actividades de lazer ao ar livre

- Festejar o Dia Mundial do Turismo

- Proporcionar o convívio entre todos os idosos que estão integrados nas instituições de Abrunheira, Verride e Ereira

- Promover o bem-estar Psicossocial dos idosos

Descrição da Acção:

11:00H - Encontro dos participantes no Largo da Feira em Montemor-o-Velho
11:30H – Visita à Igreja Matriz em Tentúgal
12:30H – Almoço no Parque de Campismo de Montemor-o-Velho
14:00H – Visita ao Castelo de Montemor-o-Velho
16:30H – Lanche na “Casa de Chá” no Castelo
17:00H – Regresso a Casa

No passado dia 27 de Setembro, pelas 11:00H, encontraram-se no Largo da Feira em Montemor-o-Velho, idosos oriundos das Valências de Abrunheira, Verride e Ereira, para dar inicio a mais um dia cheio de emoções fortes, comemorando de uma forma agradável o Dia Mundial do Turismo. Todos os participantes receberam um autocolante de divulgação da oficina e um Roteiro Turístico com o objectivo de fornecer informação sobre todo o percurso.

O primeiro local a ser visitado, foi a Igreja Matriz, situada na Vila de Tentúgal, onde o Sr. José Craveiro, habitante de Tentúgal, teve a gentileza de fazer uma apresentação do monumento aos presentes

A esta visita, seguiu-se um almoço convívio que se realizou no Parque de Campismo de Montemor-o-Velho, junto ao Rio Mondego, onde todos os presentes puderam desfrutar de um belo espaço ao ar livre, assim como, um agradável momento de convívio.

Por volta das 14:00h, retomou-se o circuito, com direcção ao Castelo de Montemor-o-Velho, onde se realizou uma visita guiada à Igreja de Santa Maria de Alcáçova, seguida de um passeio pelos jardins do Castelo, onde os presentes puderam admirar as belas paisagens do Mondego.

Para finalizar em pleno esta acção, os idosos tiveram a oportunidade de apreciar um lanche oferecido pela Casa do Povo de Abrunheira, realizado na “Casa de Chá” que se encontra no Paço das Infantas, local onde foram presenteados com um doce regional, a “pinha doce”.
Após o lanche, seguiu-se o regresso às respectivas valências, terminando assim, mais um dia de convívio, com muita alegria e animação entre os presentes.

Contactos:

Casa do Povo de Abrunheira
Telefone: 239 67 62 56 ou 239 67 51 06

 

Data de introdução: 2005-10-28



















editorial

IMPORTÂNCIA ECONÓMICA E SOCIAL DAS IPSS

Para uma quantificação atualizada da importância social e económica das Instituições Particulares de Solidariedade Social em Portugal a CNIS assegurou o cofinanciamento do Programa Operacional Inclusão Social e Emprego (POISE),...

Não há inqueritos válidos.

opinião

JOSÉ A. SILVA PENEDA

A sustentabilidade da Segurança Social
Quando se tenta perspetivar o que pode acontecer no futuro aos sistemas de segurança social há variáveis que são mais fáceis de prever, mas também existem outras...

opinião

EUGÉNIO FONSECA, PRES. CONF. PORTUGUESA DO VOLUNTARIADO

Só quando for um desígnio nacional será erradicada a pobreza
Nas últimas semanas, a pobreza em Portugal voltou a ser tema de abertura em todos os medias. Esta atenção especial deveu-se a informações preocupantes emanadas de fontes...