VILA REAL

Autarquia implementa

Os idosos do concelho de Vila Real vão ter à sua disposição, a partir de Janeiro, a "Oficina do Idoso", um novo serviço camarário gratuito para reparações domésticas nas áreas da electricidade, canalização e impermeabilizações. A iniciativa está inserida no projecto "Câmara Amiga", no âmbito do qual vai também ser criada a "Loja do Voluntariado" e lançada a Unidade Móvel de Saúde.

A vereadora da autarquia local, Dolores Monteiro, disse à Lusa que o projecto "Câmara Amiga" visa a "melhoria da qualidade de vida" das pessoas mais carenciadas do concelho. A "Oficina do Idoso" consiste, segundo a autarca, numa carrinha equipada com uma pequena oficina que irá percorrer as aldeias do concelho vila-realense.

O objectivo é ajudar as pessoas mais idosas a fazer pequenas reparações nas suas habitações, nomeadamente arranjos de janelas, de torneiras a pingar, substituição de telhas partidas e trocar uma lâmpada, entre outras. "Queremos ajudar aquelas pessoas que vivem sozinhas e que não conseguem efectuar estas pequenas reparações nas suas habitações", frisou.

Para usufruir deste apoio, os idosos apenas têm que ligar para a autarquia a pedir ajuda. Porque considera que a solidariedade deve ser demonstrada durante todo o ano e não apenas no Natal, a Câmara de Vila Real vai também abrir a "Loja do Voluntariado", na zona próxima ao Teatro de Vila Real, que vai estar sempre de portas abertas, através do trabalho de voluntários, para receber donativos, nomeadamente comida, roupa, brinquedos e mobílias. "Esta loja funcionará como um ponto de recepção e distribuição pelos mais carenciados do concelho", salientou Dolores Monteiro.

A responsável adiantou que a loja poderá será inaugurada, entre Janeiro e Fevereiro, pelo presidente da República, Cavaco Silva. A câmara vai também por em funcionamento a Unidade Móvel de Saúde, a qual, através de um protocolo com a Administração Regional de Saúde (ARS) do Norte, disporá de um enfermeiro que poderá, entre outros serviço, medir a tensão arterial, trocar um penso ou fazer um curativo às populações do concelho com maiores dificuldades de se deslocarem aos centros de saúde de Vila Real. "Nesta unidade podem ainda marcar consultas ou informar-se sobre os medicamentos", salientou a autarca.

26.12.2007

 

Data de introdução: 2007-12-26



















editorial

NO CINQUENTENÁRIO DO 25 DE ABRIL

(...) Saudar Abril é reconhecer que há caminho a percorrer e seguir em frente: Um primeiro contributo será o da valorização da política e de quanto o serviço público dignifica o exercício da política e o...

Não há inqueritos válidos.

opinião

EUGÉNIO FONSECA

Liberdade e Democracia
Dentro de breves dias celebraremos os 50 anos do 25 de Abril. Muitas serão as opiniões sobre a importância desta efeméride. Uns considerarão que nenhum benefício...

opinião

PAULO PEDROSO, SOCIÓLOGO, EX-MINISTRO DO TRABALHO E SOLIDARIEDADE

Novo governo: boas e más notícias para a economia social
O Governo que acaba de tomar posse tem a sua investidura garantida pela promessa do PS de não apresentar nem viabilizar qualquer moção de rejeição do seu programa.