NA BIBLIOTECA MUNICIPAL DE ABRANTES

Rostos - II Exposição de Artes Plásticas

Rostos é o título da segunda edição da Exposição de Artes Plásticas, da autoria de um grupo de alunos do Centro de Recuperação Infantil de Abrantes, que decorre até 31 de Dezembro, na Biblioteca Municipal António Botto, em Abrantes. 

“Cada rosto representa um pouco de nós” e esse foi o tema proposto aos alunos da área Educacional e aos utentes do Centro de Actividades Ocupacionais do CRIA . 

Durante quase um ano, na sala de expressão plástica, com a orientação do monitor José Carlos Veríssimo, o grupo deu largas à criação e sensibilidade. Executaram uma tela conjunta em que pintaram “rosto” da Instituição e retrataram a forma como cada um vê este espaço que é parte integrante do seu quotidiano. Paralelamente, executaram trabalhos individuais, utilizaram as técnicas e os materiais adequados a cada uma destas obras que, em comum, têm as cores vivas e o amor que os artistas nelas depositaram a cada traço de pincel. 

Os Artistas Plásticos que integram esta exposição colectiva são: Armando Cristo, Vítor Hugo, Ricardo Pereira, Teresa Margarida, Madalena Ramos, Luís José, Elizabete Cordeiro, Marta Pinto, Raúl Neto, João Machado, Fernanda Estronca, Nuno Heitor, Dora Marcelino, Nuno Dias, Sandra Alves e Patrícia Ferrão. 

Esta exposição é, certamente, muito especial, porque são telas que retratam afectos e emoções. Os artistas são jovens, todos portadores de deficiência que, pela arte mostram a sua visão diferente do mundo e as suas capacidades artísticas. 

Recorde-se que o CRIA, Centro de Recuperação Infantil de Abrantes, é uma Instituição Particular de Solidariedade Social, constituída pelas valências: Educacional, Centro de Actividades Ocupacionais, Formação Profissional e Empresa de Inserção. Procura proporcionar às crianças e jovens com Necessidades Educativas Especiais condições promotoras do seu desenvolvimento pessoal, social e profissional, de forma a maximizar as suas potencialidades e optimizar a sua qualidade de vida. 

Foi a pensar nestes objectivos que surgiu o estímulo para que um grupo de alunos do Centro de Actividades Ocupacionais e da área Educacional participasse neste projecto de Expressão Plástica e Criação Artística. 

O resultado desta aposta está patente ao público, até 31 de Dezembro, nesta Exposição que pode ser visitada na Biblioteca Municipal António Botto, de segunda a sexta-feira, das 10h 30 às 19h 30, em Abrantes. 


 

Data de introdução: 2004-12-23



















editorial

As amas em Creche Familiar

Publica-se neste número do “Solidariedade” o texto do acordo com a FSUGT, na parte que contempla também os novos valores de remunerações acordado para vigorar a partir de 1 de janeiro de 2024.

Não há inqueritos válidos.

opinião

EUGÉNIO FONSECA

A propósito do contributo da CNIS para as próximas eleições
É já tradição que as organizações de diferentes âmbitos, aproveitem os atos eleitorais para fazerem valer as suas reivindicações mais...

opinião

PAULO PEDROSO, SOCIÓLOGO, EX-MINISTRO DO TRABALHO E SOLIDARIEDADE

Cuidar da democracia
Neste ano vamos a eleições pelo menos duas vezes (três para os açorianos), somos chamados a renovar o nosso laço político com a comunidade, escolhendo...