2.º ENCONTRO DAS IPSS DO DISTRITO DE SETÚBAL

IPSS’s no Distrito de Setúbal,quem Somos

A 16 de Abril vai ter lugar o 2.º Encontro das IPSS do Distrito de Setúbal, uma organização da UDIPSS deste distrito.
Com início às 10h, o encontro terá lugar no Auditório Municipal "Charlot", em Setúbal.
Razões de ser desta iniciativa, elencadas pelos responsáveis da UDIPSS organizadora:
Na qualidade de associada de nível intermédio da Confederação Nacional das Instituições de Solidariedade (CNIS) e como expressão organizada da cooperação entre as Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS), sediadas no Distrito de Setúbal, a UDIPSS – Setúbal, no seguimento das conclusões do 1º Encontro realizado em Maio p.p. em Palmela, com o objectivo de desenvolver e alargar a base de apoio da solidariedade, sobretudo no que respeita à sensibilização para o voluntariado e à mobilização das comunidades para a causa da acção social, pretendendo criar o hábito de reunir as IPSS do Distrito de Setúbal com os demais parceiros, como contribuição para o reforço do papel das instituições junto das nossas comunidades, decidiu promover o 2º Encontro das IPSS do Distrito de Setúbal com o tema muito actual :
«IPSS’s no Distrito de Setúbal, quem Somos» ?


PROGRAMA

10H00 – 11H30 - Sessão de Abertura
Presidente da Câmara Municipal de Setúbal
ISS – Director Distrital de Setúbal
Director do Centro de Emprego de Setúbal
Director do Centro de Formação de Setúbal 
Delegado Regional de Setúbal do IPJ 
Coordenador da Sub-Região de Saúde de Setúbal
Coordenadora da Área Educativa de Setúbal
Director da Unidade de Prevenção de Setúbal do IDT
Presidente UDIPSS de Setúbal.

11H30 – 11H45 – Pausa para Café

11H45 – 13H00 – IPSS, Quem somos, em Setúbal ?
· Organizações
· Respostas
· Pessoas beneficiadas
· Trabalhadores
· Valores da Cooperação
· Parcerias
· Relacionamento das IPSS entre si e com os parceiros 
em redes locais ou distritais.
Oradores : José Canteiro e Guilherme Bettencourt (UDIPSS de Setúbal)
Moderador : António Belo (UDIPSS de Setúbal)

13H00 – 14H30 – Pausa para Almoço 

14H30 – 15H30 - Sistemas de informação
A Informática como suporte à informação e gestão das IPSS.
· Produtos específicos para as IPSS.
· Gestão integrada da Informação.
Orador : Ulisses Silva (ODULISSER).
Moderador : Alpendre Sousa (UDIPSS de Setúbal).
15H30 – 16H30 – Legislação do Trabalho
· Problemática da Regulamentação Colectiva de Trabalho para o Sector Social.
· Código do Trabalho
Oradores : Dr. Costa Fernandes e Dr.ª Patrícia Bettencourt
Moderador : José Canteiro(UDIPSS de Setúbal).
16H30 – 16H45 – Pausa para Café
16h45 – 17h30 – Gestão das IPSS Setúbal ?
· Protocolo de Cooperação para 2005
· Participação das IPSS nos actuais centros de decisão.
· Linhas de orientação estratégica (opções), a curto e médio prazo.
Oradores : Prof. Eugénio da Fonseca e José Canteiro. Moderadora: Aurora Carvalho (UDIPSS de Setúbal)

18H00 – Sessão de Encerramento
Ministro da Segurança Social Governadora Civil do Distrito de Setúbal,
Presidente da Associação de Municípios do Distrito de Setúbal,
Bispo de Setúbal
Presidente da CNIS 

Este Encontro conta com o apoio da Câmara Municipal de Setúbal.

CONTACTOS
União Distrital das Instituições Particulares de Solidariedade Social
Rua José Estêvão Coelho de Magalhães – Feijó
( Centro Comunitário de Promoção Social Feijó )
2810-100 Almada
Tel 212591297
Fax 212598293
e-mail : udipsssetubal@yahoo.com.br 


Desdobrável do Encontro, onde pode encontrar a Ficha de Inscrição (formato .doc)

 

Data de introdução: 2005-04-01



















editorial

O TRIÂNGULO DA COOPERAÇÃO

A consciência social, aliada ao dever ético da solidariedade, representa uma instância suprema de cidadania, um compromisso inalienável para com os mais vulneráveis e em situação de marginalidade, exclusão e pobreza.

Não há inqueritos válidos.

opinião

EUGÉNIO FONSECA, PRES. CONF. PORTUGUESA DO VOLUNTARIADO

A Política Melhor (II)
Na continuação dos assuntos abordados no meu texto anterior, reitero que vale a pena, aos dirigentes das IPSS, independentemente das suas convicções ideológicas ou...

opinião

JOSÉ A. SILVA PENEDA

A guerra na Ucrânia e as consequências para a Europa
A guerra na Ucrânia é, sem dúvida, o maior desafio que se coloca à União Europeia desde a sua fundação. É a primeira vez, desde a última grande...