SEMINÁRIO

Évora acolhe segundo seminário sobre fundos europeus

Dirigido a dirigentes e técnicos das IPSS do Alentejo, a CNIS realiza no próximo dia 24 de julho, no auditório da CCDR Alentejo, em Évora, o seminário «As IPSS e os Fundos Europeus».
Durante a manhã de trabalho pretende-se fazer o enquadramento das IPSS na estratégia definida para o Programa Operacional Regional (POR), dotar as IPSS da informação sobre as possibilidades de candidaturas ao POR Alentejo, definir de áreas prioritárias de intervenção e fazer uma análise das possibilidades de candidaturas potenciadoras da criação de sinergias interinstitucionais.
Os trabalhos iniciam-se com a receção dos participantes (10h00), estando depois previstas intervenções a cargo de António Costa Dieb (presidente da CCDR Alentejo e da Comissão Diretiva do Alentejo2020), José Palma Rita (delegado Regional do IEFP Alentejo), Sónia Ramos (diretora do Centro Distrital de Solidariedade e Segurança Social de Évora) e ainda de João Dias (presidente-adjunto da CNIS).
Às 11h00, António Costa da Silva, vogal executivo da Comissão Diretiva do Alentejo 2020, fará uma alocução subordinada ao tema «O Alentejo 2020 e o Apoio ao Setor Social», seguindo-se a de Teresa Dieb, coordenadora do Núcleo de Emprego, que falará sobre «Portugal 2020 e os Apoios ao Emprego».
Os trabalhos encerram com um período de debate.

 

Data de introdução: 2015-07-15



















editorial

As amas em Creche Familiar

Publica-se neste número do “Solidariedade” o texto do acordo com a FSUGT, na parte que contempla também os novos valores de remunerações acordado para vigorar a partir de 1 de janeiro de 2024.

Não há inqueritos válidos.

opinião

EUGÉNIO FONSECA

A propósito do contributo da CNIS para as próximas eleições
É já tradição que as organizações de diferentes âmbitos, aproveitem os atos eleitorais para fazerem valer as suas reivindicações mais...

opinião

PAULO PEDROSO, SOCIÓLOGO, EX-MINISTRO DO TRABALHO E SOLIDARIEDADE

Cuidar da democracia
Neste ano vamos a eleições pelo menos duas vezes (três para os açorianos), somos chamados a renovar o nosso laço político com a comunidade, escolhendo...