NOVA IPSS EM ESTARREJA

Fundação Cónego Filipe de Figueiredo

Aproxima-se a passos largos o dia 28 de Novembro, em que se celebrará o 2º aniversário da partida do Sr. Cónego Filipe.

É publico que o Sr. Cónego Filipe partiu de forma brusca sem avisar ninguém. Acreditamos que ele próprio que estava sempre ao serviço do próximo e sempre vigilante terá sido surpreendido pela sua brusca chamada, pois deixou os sonhos de um lado, os meios para os concretizar do outro e a amizade toda espalhada. 

Os Órgãos Sociais da Fundação Cónego Filipe de Figueiredo estão a envidar todos os esforços para dar corpo ao sonho do Sr.Cónego Filipe para Estarreja. Estão também a preparar o Programa de celebração do 2º Aniversário da sua partida, onde se inclui a vontade de trazer para Estarreja o espólio da vida, pensamento e obra do Sr. Cónego Filipe que está também ele espalhado por várias Instituições de Évora, de Lisboa, na casa de muitos amigos espalhados pelo país e até pelo mundo, e família.

É propósito dos Órgãos Sociais da Fundação Cónego Filipe de Figueiredo que este espólio, composto por instrumentos e vestes religiosos, escritos, livros, etc. esteja centralizado num espaço único, onde a família, os seus muitos amigos e o público em geral tenham acesso, e onde cada um se possa sentir em comunhão com este homem bom, no seu pensamento e na sua obra de solidariedade e amor ao próximo. 

Para tanto, procura a Fundação, um espaço, público ou privado, tendo para já uma primeira oferta de um belíssimo espaço privado, duma pessoa benemérita e amiga pessoal do Sr. Cónego Filipe mas que carece de obras de adaptação.

 Fundação Cónego Filipe de Figueiredo
Bombeiros velhos, Piso 1
R. Dr. Manuel Andrade nº 4
3860- 372  ESTARREJA

Quem foi o Cónego Filipe de Figueiredo

 

Data de introdução: 2005-12-06



















editorial

O TRIÂNGULO DA COOPERAÇÃO

A consciência social, aliada ao dever ético da solidariedade, representa uma instância suprema de cidadania, um compromisso inalienável para com os mais vulneráveis e em situação de marginalidade, exclusão e pobreza.

Não há inqueritos válidos.

opinião

EUGÉNIO FONSECA, PRES. CONF. PORTUGUESA DO VOLUNTARIADO

A Política Melhor (II)
Na continuação dos assuntos abordados no meu texto anterior, reitero que vale a pena, aos dirigentes das IPSS, independentemente das suas convicções ideológicas ou...

opinião

JOSÉ A. SILVA PENEDA

A guerra na Ucrânia e as consequências para a Europa
A guerra na Ucrânia é, sem dúvida, o maior desafio que se coloca à União Europeia desde a sua fundação. É a primeira vez, desde a última grande...