MINISTRA DO TRABALHO NO ARRANQUE DA VACINAÇÃO NOS LARES DE IDOSOS

Um dia de esperança para todos

Arrancou esta segunda-feira à tarde a vacinação contra a Covid-19 nas Estruturas Residenciais Para Idosos (ERPI), em concreto no Centro de Dia e Lar de Idosos São José das Matas, IPSS de Mação, distrito de Santarém.
Ana Mendes Godinho, ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, assistiu ao arranque da vacinação nos lares de idosos e definiu o momento como “um dia de esperança para todos”.
Durante os próximos dois meses, o Governo pretende ter distribuídas e administradas 200 mil doses de vacinas contra a Covid-19 nas ERPI. O número diz respeito tanto a utentes quanto a funcionários e inclui a toma de duas doses por pessoa, como exige a vacina desenvolvida pela farmacêutica Pfizer.
O momento simbólico, personificado por dona Celeste, uma utente de 100 anos, marca o lançamento da vacinação nos lares de todo o país e faz deste “um dia de esperança para todos”.
A ministra fez questão de agradecer o trabalho do Ministério da Saúde, “incansável no terreno para garantir que esta operação decorra da melhor forma possível”, e lembrou que o país vive “uma missão de proteção coletiva” que deve começar por quem tem “especial fragilidade face à Covid-19”.
Só esta segunda-feira, que é também o primeiro dia útil do ano, serão vacinadas mais de 100 pessoas de duas instituições de Mação.
Sobre a situação das centenas de lares ilegais revelados durante a pandemia, Ana Mendes Godinho prometeu falar sobre o assunto, mas “não agora”.

 

 

Data de introdução: 2021-01-04



















editorial

Novos passos na Cooperação

Com a assunção por parte do Estado das comparticipações familiares das crianças do 1º e 2º escalão, já cerca de 50.000 crianças tinham Creche gratuita. Entretanto, a Lei nº 2/2022, de 3 de janeiro, determina...

Não há inqueritos válidos.

opinião

JOSÉ A. SILVA PENEDA

Trabalho digno
O governo apresentou no Parlamento um diploma que define um conjunto de novas regras para regular o mercado de trabalho e intitulou esse conjunto como a Agenda para o Trabalho Digno.

opinião

EUGÉNIO FONSECA, PRES. CONF. PORTUGUESA DO VOLUNTARIADO

A Política Melhor (IV)
Continuando na senda das reflexões anteriores, conheçamos, agora, o que pensa o Papa Francisco, na sua Carta Encíclica Fratelli Tutti, sobre a importância da política...