CRIARTE SOBE DE NOVO AO PALCO

Rapaz de Bronze em Constância

O CRIARTE, Grupo de Teatro do Centro de Recuperação Infantil de Abrantes, subiu de novo ao palco, em Constância. “O Rapaz de Bronze”, uma adaptação baseada na obra de Sophia de Mello Breyner Andresen, foi a peça levada à cena no dia 23 de Novembro, em duas sessões, às 10h30 e às 14 horas, no Cine-Teatro Municipal.
O convite foi efectuado pelo Município de Constância e a actuação do CRIARTE inseriu-se na XX Feira do Livro e XI Feira do Disco, a decorrer até ao próximo dia 25 deste mês, com a organização da Biblioteca Municipal Alexandre O’Neill.

No dia 16 de Dezembro, o CRIARTE voltará a Constância para participar na Festa de Natal da Casa de Pessoal da Câmara Municipal de Constância, dirigida aos filhos dos associados.
Entretanto, as Artes com fins terapêuticos e de inclusão são cada vez mais uma das apostas das Instituições que trabalham com pessoas portadoras de deficiência. Assim, o CRIARTE irá participar num Encontro de Teatro e Dança, no próximo dia 6 de Dezembro, em Palmela. A iniciativa é promovida pelo Grupo de Animação Jovem da Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental de Setúbal.
“O Rapaz de Bronze” é a peça escolhida para estas actuações. Trata-se de uma peça baseada no conto infantil, de Sophia de Mello Breyner Andresen, em que o público é convidado a entrar no reino do sonho. Esta viagem ao mundo da fantasia, é recheada de magia, cor, alegria e muitas surpresas. O cenário é um jardim em flor, que nos transporta para o reino da noite. Em cada canteiro existe uma história, em cada flor um sonho e o Rapaz de Bronze é o rei deste jardim.

 

Data de introdução: 2006-11-23



















editorial

IMPORTÂNCIA ECONÓMICA E SOCIAL DAS IPSS

Para uma quantificação atualizada da importância social e económica das Instituições Particulares de Solidariedade Social em Portugal a CNIS assegurou o cofinanciamento do Programa Operacional Inclusão Social e Emprego (POISE),...

Não há inqueritos válidos.

opinião

JOSÉ A. SILVA PENEDA

A sustentabilidade da Segurança Social
Quando se tenta perspetivar o que pode acontecer no futuro aos sistemas de segurança social há variáveis que são mais fáceis de prever, mas também existem outras...

opinião

EUGÉNIO FONSECA, PRES. CONF. PORTUGUESA DO VOLUNTARIADO

Só quando for um desígnio nacional será erradicada a pobreza
Nas últimas semanas, a pobreza em Portugal voltou a ser tema de abertura em todos os medias. Esta atenção especial deveu-se a informações preocupantes emanadas de fontes...