ENCONTRO LUSO-ESPANHOL BRAGANÇA-ZAMORA

Intercâmbios galvanizam laços de amizade

Desde há uns anos a esta parte, vem sendo realizado um encontro de idosos entre a Federación de Associaciones de Jubilados e Pensionistas de Zamora e os utentes da Santa Casa da Misericórdia de Bragança.
Desta feita, a Santa Casa recebeu os "hermanos" espanhóis com toda a deferência, como se de família se tratasse.
Mais uma vez, estas duas grandes instituições juntaram-se para um grande convívio num dia de Novembro, chuvoso por sinal.
Assim, pela manhã, os idosos de Zamora puderam visitar uma exposição com trabalhos realizados pelos idosos portugueses, desde pinturas a óleo e com a boca, a trabalhos de renda e com argila.
Os visitantes ficaram maravilhados com os trabalhos, elogiando-os bastante, tendo expressado palavras de encorajamento aos “artistas” portugueses para que continuem a sua bela obra. Tudo isto é também fruto do trabalho realizado por funcionários e de alunos a realizar estágios na instutuição, que a engrandecem e dignificam aos olhos da comunidade.

Depois do pequeno-almoço, foi tempo de culto na igreja da Sé, uma das mais antigas da cidade. Assim, todos puderam assistir à missa celebrada pelo capelão da instituição, onde foram ouvidas preces pelos que continuam a residir nos lares da terceira idade e também pelos idosos que já faleceram.
A visita guiada ao Teatro Municipal foi outra das actividades agendadas para este dia.
Foi com agrado e muita admiração que os idosos de Zamora puderam contemplar a grandiosidade e beleza deste ícone do desenvolvimento do Distrito de Bragança.
O almoço foi servido num dos restaurantes da cidade, tendo os amigos espanhóis elogiado a gastronomia sempre surpreendente do Nordeste Transmontano.

A parte da tarde foi preenchida com um espectáculo musical, que contou com o Grupo de Cavaquinhos da Escola do 1.° CEB Dr. Diogo Albino de Sá Vargas e com o Grupo de Cantares da Santa Casa da Misericórdia de Bragança, composta por utentes da instituição, com uma média de idades a rondar os 80 anos e também números de ginástica de manutenção preconizados por estes idosos.
Os zamoranos ainda tiveram tempo de confraternizar com os idosos do lar que não se podiam movimentar, no lanche que a Santa Casa ofereceu, assim como participar no animado "bailarico" que encerrou as actividades deste dia tão especial.

 

Data de introdução: 2006-12-07



















editorial

O TRIÂNGULO DA COOPERAÇÃO

A consciência social, aliada ao dever ético da solidariedade, representa uma instância suprema de cidadania, um compromisso inalienável para com os mais vulneráveis e em situação de marginalidade, exclusão e pobreza.

Não há inqueritos válidos.

opinião

EUGÉNIO FONSECA, PRES. CONF. PORTUGUESA DO VOLUNTARIADO

A Política Melhor (II)
Na continuação dos assuntos abordados no meu texto anterior, reitero que vale a pena, aos dirigentes das IPSS, independentemente das suas convicções ideológicas ou...

opinião

JOSÉ A. SILVA PENEDA

A guerra na Ucrânia e as consequências para a Europa
A guerra na Ucrânia é, sem dúvida, o maior desafio que se coloca à União Europeia desde a sua fundação. É a primeira vez, desde a última grande...