BEJA

Centro Social para idosos abre após obras de um milhão de euros

Um novo centro social para idosos, com oferta de actividades desportivas, didácticas e de animação, abriu, em Beja, após obras de adaptação do antigo Palácio do Lidador, num investimento municipal de um milhão de euros.

O Centro Social do Lidador, gerido pela autarquia e que vai funcionar com valência de centro de dia naquela antiga casa senhorial do século XVIII.

O município pretende que o centro seja uma "extensão da casa do idoso", um "espaço informal de convívio entre idosos, mas também entre outras gerações" e uma "casa de aprendizagem".

Nesta lógica, refere o município, o centro, destinado a idosos sem grande dependência e com alguma autonomia, vai oferecer várias actividades, às quais, "normalmente, os idosos não têm acesso" e que servirão para "promover as suas reais capacidades".

O centro, aberto de segunda-feira a sábado, das 09:30 às 19:00, dispõe de uma cafetaria e vários espaços para jogos, leitura de jornais e revistas e visualização de filmes e documentários e outros com computadores ligados à Internet.

O programa de actividades regulares, disponíveis das 10:00 às 18:30, inclui ofertas na área da saúde e actividade física, como sessões de ginástica, hidroginástica e reiki.

Aulas para aprender a navegar na Internet, cursos de técnicas básicas de defesa e segurança pessoal e de bens, sessões de contos para "trabalhar a memória e recuperar a tradição oral" são outras das actividades regulares.

O centro prevê ainda realizar actividades pontuais, como um "chá dançante" mensal, comemorações de bodas de ouro de casais utentes, viagens em grupo, colóquios e debates.

A Câmara de Beja adquiriu o Palácio do Lidador, em 1999, e decidiu adaptar o edifício a centro social para idosos, cujas obras, que começaram em Março de 2005 e foram suspensas três meses depois, estiveram paradas cerca de um ano para prospecções arqueológicas, recomeçando em Maio de 2006.


01.10.2007

 

Data de introdução: 2007-10-01



















editorial

IMPORTÂNCIA ECONÓMICA E SOCIAL DAS IPSS

Para uma quantificação atualizada da importância social e económica das Instituições Particulares de Solidariedade Social em Portugal a CNIS assegurou o cofinanciamento do Programa Operacional Inclusão Social e Emprego (POISE),...

Não há inqueritos válidos.

opinião

JOSÉ A. SILVA PENEDA

A sustentabilidade da Segurança Social
Quando se tenta perspetivar o que pode acontecer no futuro aos sistemas de segurança social há variáveis que são mais fáceis de prever, mas também existem outras...

opinião

EUGÉNIO FONSECA, PRES. CONF. PORTUGUESA DO VOLUNTARIADO

Só quando for um desígnio nacional será erradicada a pobreza
Nas últimas semanas, a pobreza em Portugal voltou a ser tema de abertura em todos os medias. Esta atenção especial deveu-se a informações preocupantes emanadas de fontes...