27 DE SETEMBRO DE 2008, CAMPO DA FEIRA, BARCELOS

Informações úteis

A Festa da Solidariedade vai realizar-se dia 27 de Setembro, no Campo da Feira em Barcelos.É um espaço que tem grande valor simbólico e que se situa no Centro da cidade. É muito fácil chegar até ao recinto, já que em todas as entradas da cidade existem placas com a indicação “Centro”. Para quem viaja do Porto, pode tomar a A3, a A28 e A11 sair nas praças de Portagem de Barcelos.

É um convívio destinado a todas as instituições particulares de solidariedade, utentes, familiares, funcionários, bem como a todos aqueles que partilhem do espírito solidário e se queiram juntar à festa. Não há pagamento de inscrições nem de entradas. O programa prevê animação - música ligeira, música popular, folclore, dança, teatro - desde as 10 até às 18 horas. Para os mais pequenos a organização mandou instalar equipamentos para a diversão e a prática de desportos radicais.

“A alimentação é da responsabilidade de cada participante, mas em Barcelos, e sobretudo no Campo da Feira, há muita oferta de restauração pelo que não será difícil a quem necessitar de serviço de refeições conseguir comer e bem” garante Eleutério Alves, líder da organização da Festa da Solidariedade.

Em matéria de segurança serão accionados todos os dispositivos indispensáveis. No caso de haver alguma situação de alguma gravidade a proximidade do hospital de Barcelos é uma vantagem importante.
Momento simbólico da Festa, que deve acontecer ao início da tarde do dia 27, sábado, é a entrega da Chama da Solidariedade à União das Instituições de Solidariedade Social de Braga onde ficará guardada até à 3ª edição da Festa da Solidariedade.

 

Data de introdução: 2008-09-08



















editorial

NO CINQUENTENÁRIO DO 25 DE ABRIL

(...) Saudar Abril é reconhecer que há caminho a percorrer e seguir em frente: Um primeiro contributo será o da valorização da política e de quanto o serviço público dignifica o exercício da política e o...

Não há inqueritos válidos.

opinião

EUGÉNIO FONSECA

Liberdade e Democracia
Dentro de breves dias celebraremos os 50 anos do 25 de Abril. Muitas serão as opiniões sobre a importância desta efeméride. Uns considerarão que nenhum benefício...

opinião

PAULO PEDROSO, SOCIÓLOGO, EX-MINISTRO DO TRABALHO E SOLIDARIEDADE

Novo governo: boas e más notícias para a economia social
O Governo que acaba de tomar posse tem a sua investidura garantida pela promessa do PS de não apresentar nem viabilizar qualquer moção de rejeição do seu programa.