VALPAÇOS

Projecto "Afectos" combate isolamento dos idosos

A Câmara de Valpaços lançou o projecto "Afectos" para combater o isolamento dos idosos e proporcionar-lhes várias actividades, nomeadamente ginástica, idas à discoteca e acçöes de sensibilização contra burlões. A assistente social, Filomena Ribeiro, disse à Lusa que o projecto resultou de um levantamento feito no concelho de Valpaços, que detectou 668 pessoas com mais de 65 anos a viverem sozinhas e sem retaguarda familiar.

Neste momento, segundo a responsável, participam nas diversas actividades oferecidas cerca de uma centena de idosos. "O objectivo é preencher o tempo e o vazio dos idosos para que a sua mente se mantenha activa e saudável", frisou.

As actividades realizam-se nas localidades de Valpaços, Lebução, Carrazedo de Montenegro e Veiga de Lila, mas, de acordo com Filomena Ribeiro, pretende-se abranger mais freguesias no futuro. Sexta-feira, os idosos väo ser convidados a ir a uma discoteca em Valpaços,
para uma matinée dançante que começa às 14:30. "É uma forma de saírem das suas aldeias, conviverem e divertirem-se
e fazerem uma coisa diferente", salientou.

No âmbito do projecto, agentes da GNR vão deslocar-se, em Abril, a várias localidades com o objectivo de esclarecer os idosos sobre os procedimentos de segurança que devem usar em situações de tentativa de burla ou burla consumada.

Diariamente, uma equipa de seis técnicos e seis voluntários promove aulas de ginástica e animaçäo lúdico-recreativa, com aulas de pintura, croché, bordados, escultura. Recolhem também história de vida, lendas e receitas tradicionais.

Os idosos recebem ainda a visita da biblioteca móvel e participam em contactos intergeracionais, em que vão almoçar às escolas com os mais novos, vão ao cinema ou teatro, fazem piqueniques, passeios pedestres e excursões.

24.03.2008

 

Data de introdução: 2008-03-24



















editorial

NO CINQUENTENÁRIO DO 25 DE ABRIL

(...) Saudar Abril é reconhecer que há caminho a percorrer e seguir em frente: Um primeiro contributo será o da valorização da política e de quanto o serviço público dignifica o exercício da política e o...

Não há inqueritos válidos.

opinião

EUGÉNIO FONSECA

Liberdade e Democracia
Dentro de breves dias celebraremos os 50 anos do 25 de Abril. Muitas serão as opiniões sobre a importância desta efeméride. Uns considerarão que nenhum benefício...

opinião

PAULO PEDROSO, SOCIÓLOGO, EX-MINISTRO DO TRABALHO E SOLIDARIEDADE

Novo governo: boas e más notícias para a economia social
O Governo que acaba de tomar posse tem a sua investidura garantida pela promessa do PS de não apresentar nem viabilizar qualquer moção de rejeição do seu programa.